só eu


quero ver-te
almoçar
jantar sem tempo
levo-te uma flor
branca 

desonesta
vermelha de paixão
a sensação que não sabes
desapareça
porque sou eu


2 comentários:

Sha disse...

Um Hibisco ou Rosa Chinesa (ou Rosa-da-China)... Linda flor!

Conheces a linguagem das flores?
Cada uma tem o seu significado. E que confere, ao gesto (já de si tão especial) de quem a oferece, uma magia adicional...

Gosto muito da sobriedade do teu blog e da forma como escreves.
Tenho passado e entrado em silêncio, que quebro hoje (acho) pela primeira vez.
Posso voltar, não posso?

Beijo
Sha

zm disse...

Sha,

Obrigado pelas tuas palavras tão simpáticas, fico orgulhoso, corado, ainda!
São só devaneios de quem se procura. Á tanto... Para sempre.

Volta sempre que quiseres.
Sê bem vinda!!

A flôr, linda, conheço por Hibisco e desconheço a magia.
Qual é?

Beijo

ps: Quebrou-se já o silêncio.
Faço-te uma visita. Posso?